Como aprender a tocar violão do zero? Os 5 níveis!

Inscreva-se para saber dos novos conteúdos, assim que sejam publicados.

Compartilhe este Post:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Aqueles que estão pretendendo dar os primeiros passos no instrumento talvez se perguntem como aprender a tocar violão do zero. Esta arte, tão apreciada por todos nós, pode aparentar até mesmo impossível ao novato (afinal de contas, convenhamos que é estranho pensar que nossas mãos possam chegar a um tal nível de precisão motora). Para o total iniciante, o percurso pode parecer neblinoso, difícil e obscuro. No entanto, sabemos que com uma boa orientação e o devido esforço, a neblina vai se dissipando aos poucos e o caminho vai se aclarando (não à toa, há várias pessoas que iniciam no instrumento e conseguem alcançar níveis sequer imaginados por elas). 

Justamente a fim de aclarar esse caminho, podemos dividir o aprendizado em 6 níveis, como você verá abaixo:

Independentemente da idade, aprender violão exige esforço e comprometimento!

Nível 0:

É o nível do total iniciante, aquele que não sabe nem como pegar o violão corretamente, muito menos como tocar um acorde ou mesmo uma nota. De resto, não há muito o que falar referente a este nível.

Nível 1:

Aqui, o aspirante a violonista já consegue posicionar as mãos no violão da maneira correta, tocar algumas coisas utilizando 1 ou 2 dedos nas mãos direita e esquerda e coordenar bem o movimento entre elas. Com uma orientação correta, você não demorará muito para chegar aqui (provavelmente, algo entre alguns dias e algumas semanas).

Nível 2:

Neste nível, você já será capaz de tocar alguns acordes mais simples e batidas. Terá dificuldade para tocar acordes com pestana e outros mais difíceis, mas já disporá de técnica suficiente para tocar grande parte dos acordes. Aqui, você já terá um repertório de mais ou menos 2 batidas diferentes e será também capaz de ler cifras.

Nível 3:

Neste nível, você já será capaz de tocar dedilhados mais simples, que utilizem os 4 dedos da mão direita (nesta mão, o dedo mínimo quase nunca é usado). Será capaz também de tocar acordes mais difíceis e já terá superado aqueles com pestana, dispondo de um maior repertório de acordes.

Nível 4:

Aqui, você estará mais hábil na técnica do dedilhado (clique aqui para saber os níveis do dedilhado) e conseguirá tocar chord melodies mais simples (isto é, tocar o acorde e a melodia juntos), não tendo grande dificuldade em alterar certas notas nos acordes que já domina (exemplo: tocar um lá menor e alterar a nota da corda si, formando uma melodia interna). Conseguirá, ao longo deste nível, tocar músicas como Dust in the Wind e Stairway to Heaven (esta última mais pro final do nível).

Nível 5:

Neste nível, sua técnica e experiência já lhe permitirá tocar e criar arranjos mais sofisticados de chord melody, sendo capaz de tocar praticamente todo o repertório de pop e rock. Aqui, já poderá partir para áreas do violão mais específicas, como o chorinho, violão clássico, jazz ou fingerstyle. Convém dizer que cada uma dessas áreas é um mundo próprio, que requer anos e anos de prática regular para que se alcance um nível de excelência.

Para aprender a tocar violão do zero, é necessário ter uma boa orientação!

Podemos dizer que o violonista, em todo este percurso (e, claro, em todo o interminável percurso que o segue, de acordo com a especialidade), deverá dispor de um “mapa”, cautelosamente preparado por quem já conhece bem o percurso, a fim de saber o “caminho das pedras“, que o leve aonde quer chegar sem rodeios desnecessários e perdas de tempo.

Pensando nisso, Ricardo Novais estruturou o MOVI, um curso do site Amigo Violão, fruto de anos e anos de experiência, que te orientará nesta travessia da qual falamos. É um método meticulosamente preparado e esculpido levando em conta dificuldades que surgiram no percurso de diversos alunos, a fim de mostrar um caminho que não lhe faça perder um tempo desnecessário que muitos já perderam e continuam a perder.

Ficou interessado? Clique aqui para saber mais!

Posts relacionados no Amigo Violão:

Você quer aprender violão de forma afetiva, de acordo com sua capacidade?

Veja nossos cursos: